"Escolhido entre milhares de milhões"…

E aí, galera, suave na nave, de boa na lagoa, firmeza na represa, as pampa na rampa e talz? É, esse final de semana não vai ser emendado, mas 15 de novembro tá chegando aí, na humildade, pra fazer os estudantes perderem mais alguns dias de aula… Mais 15 dias e já vai ser dezembro, e todo mundo só vai querer saber de comemorar a data em que o Noel faz uma visitinha básica aos lares. No saco, balinhas e pirulitos pra todo mundo! E, depois de tantos feriados prolongados, a gente se pergunta: o que aprendemos realmente? Será que, mesmo com uma educação de qualidade, a gente aprenderia? Porque, se um condenado não quiser aprender, nada vai fazer ele aprender, por mais diplomas e técnicas pedagógicas que o apelidado “psor” tiver.

Foi mal aí por essa introdução estilo “eu pra presidente em 2010”. Até porque cê não veio aqui pra isso. Chega de papear e vamos ao ponto alto da noite.

Como cê já sacou, tô narrando uma novelinha da vida real, e veja só, pela primeira vez na vida eu sou protagonista em alguma coisa. Tô determinado a descobrir qual é a desse deputado-banqueiro, e com essa intenção eu vou até o fim.

Dessa vez, eu mandei um clone do e-mail que cê tá vendo aqui embaixo:

“Dear friend,

First of all, I would like to know, for security reasons, how you got my e-mail. I live in a country far from his, and would be more logical that you ask for help for someone in Africa. Answer me this question, and we can continue the transaction.

Best regards,

Rafael Tenorio”

Resumindo e traduzindo essa ópera, eu coloquei o cara contra a parede e mandei na lata: “E aí, como você conseguiu meu e-mail?”. Disse também que seria muito mais lógico ele pedir a juda a algum cidadão oficial de Burkina Faso, e não de um estrangeiro.

Agora, dá uma sacada no 3° episódio dessa novelinha, que nunca vai passar na Globo, somente aqui no Fala Aeh!. Pra vocês, com exclusividade, o terceiro e-mail de Umaru Zara (a tradução tá horrível, mas não reclama, porque nem mesmo o Santo Google é perfeito…).

“Caro amigo,

Muitos agradecimentos mais para a sua resposta e para sua pergunta inteligente. Para a sua pergunta a respeito de como eu tenho o seu endereço de e-mail, por favor eu quero que você entenda muito bem que eu acredito que são confiáveis e você tiver selecionado entre milhares de milhões de pessoas no mundo, porque eu tenho o seu endereço de e-mail quando eu estava realizando pesquisas na Internet para conectar-se um parceiro de negócios confiável e sincero estrangeiros, que pode me ajudar a executar esta operação será totalmente successfully.I falhar, se eu tentar fazer esse negócio sozinho, sem conexão partner.I um estrangeiro foi jogada pelo Deus Todo-Poderoso e ao meu espírito interior em contato com você quando eu vi o seu endereço de e-mail. Posso copiar o seu endereço de e-mail, fui para casa com ele e orou a sério sobre ele por alguns dias, através de bons sonhos e visões que eu tinha sobre você eo sucesso desta operação, eu fui feito para acreditar que você é a pessoa certa para me ajudar realizar essa grande missão com êxito e, por conseguinte, enviei-lhe a minha mensagem primeira proposta e você respondeu-me. Eu sou um muçulmano muito bom, que acredito e confio muito em Deus Todo-Poderoso, e meus sonhos sempre vêm à reality.I, portanto, 100% de certeza que você não trair nem me decepcionou e, portanto, tenho confiança e seleccionada para me ajudar, entre outros no mundo, porque alguém tem que ser selecionado para realizar esta operação com sucesso.

Espero ouvir mais logo de você para nos ajudar a avançar.

Graças imensamente e melhores cumprimentos”

Para tudo, para esse busão chamado Mundo que esse é o meu ponto: quer dizer que o cara achou meu e-mail completamente por acaso? Ele tava lá, no notebook dele, jogando alguma coisa no Google, procurando um parceiro de negócios estrangeiro, e por obra e excelência do Todo Poderoso, meu e-mail vai parar nas mãos de um certo deputado-banqueiro. O condenado teve sonhos e visões em que eu fazia alguma participação, meio de “Robert”, e por isso ele acha que eu ele temos uma missão, isso porque os sonhos do sujeito sempre vem “à reality”(adorei essa expressão… KKK!!!).

Tá na cara que Zara (se é que esse é mesmo o nome dele) tá querendo me sensibilizar, falando em Deus toda hora, falando de sonhos, visões, missão e o escambau. Toda essa história tá me parecendo fantástica demais. Pow, quer dizer então que eu sou “O Escolhido”, “O Eleito”, “O único bruxo que pode matar Lorde Voldemort”… KKKKKKKKKKK!!! (zueira!). Muito esquisito esse lance de pegar o e-mail do primeiro zé-ruela que o Google aponta e começar a negociar com ele.

Como diriam aqueles comercias de 5 horas da Polishop, “E não é só isso!”. Já que o cara é um banqueiro, não seria facinho pra ele e mais lógico também ele mesmo fazer alguma coisa pra ser apontado como o único herdeiro legal do falecido milonário? Aí, ele não precisaria de gringo nenhum pra ajudar. Ainda mais que, na verdade, o gringo tem o papel de ajudar a gastar grana, e essa ajuda ninguém em sã consciência quer…

Post mandado, hora de mandar um salve!

O salve dessa noite vai pra senhorita Fran, que comentou com muita propriedade no Post 22#, e além disso me deu umas sugestões do que eu poderia fazer pra continuar agindo e levando a farsa adiante. Valeu mesmo, Fran, cê me ajudou pra caramba! Nunca deixe de comentar aqui no Fala Aeh!, é realmente muito difícil encontrar leitores que saibam mandar um comentário de responsa. Brigadão, guria!

Opa, também tem salve pra Fehnanda! Obrigado por comentar no Post 22#! Seus comentários são sempre muito bem vindos.

E, semana que vem, assista (ou melhor, leia) ao 4° episódio dessa novela (nem Manoel Carlos pensaria em algo assim! KKKKKKK!!!).

Um domingo cheio de alegrias, pequenas surpresas e grandes emoções pra você!

Valeu, Galerinha Internética! Fui, mas voltarei!

[…fim de transmissão…].

2 thoughts on “"Escolhido entre milhares de milhões"…

  1. Geeeente! Cada vez mais estranho…
    Até entendo ele falar um monte de Deus porque muçulmanos costumam ser bem apegados à religião e talz…Mas esse detalhe não torna essa história menos fantástica do que ela é! Pois que ela é BEM fantástica ninguém pode negar!
    Acho que o contato entre vocês chegou num ponto que “ou vai, ou racha!”. O cara quer uma resposta sua!
    E agora? Que que tu vai fazer?
    ESTOU CURIOSA!! iUHAIUhaiuHAIuahIU
    Beeeeijoss…

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s